Mundo

Embaixador russo é atacado com tinta vermelha por manifestantes na Polônia

Manifestantes na Polônia lançaram tinta vermelha contra o embaixador russo no país, Sergei Andreev, nesta segunda-feira (9).

O protesto aconteceu quando Andreev participava de um ato em celebração ao 77º Dia da Vitória, que marca a vitória da Rússia sobre as tropas da Alemanha Nazista durante a 2ª Guerra Mundial.

 

O embaixador participava de um ato no cemitério de soldados soviéticos em Varsóvia, mas manifestantes bloquearam a passagem de Andreev e lançaram a tinta vermelha contra seu rosto, em protesto contra os ataques de seu país na Ucrânia.

Após o episódio, o diplomata deixou o cemitério, acompanhado pela polícia.

 

Havia grande expectativa para o pronunciamento de Putin. Serviços de inteligência dos Estados Unidos e do Reino Unido esperavam que o líder russo anunciasse uma nova escalada de ataques na Ucrânia ou até uma declaração forma de guerra ao país.

No entanto, o presidente da Rússia não anunciou nada novo e, em 11 minutos de discurso, quase não mencionou a invasão à Ucrânia. Ele comparou a trajetória de suas tropas no país vizinho à vitória da Rússia sobre a Alemanha Nazista durante a 2ª Guerra Mundial. E alegou que "foi forçado" pela Otan a atacar o país vizinho.


Comentários

Siga-nos

Leia as últimas notícias sobre qualquer uma dessas redes sociais!


Últimas Notícias